Saturday, October 15, 2011

Aromáticas - Poema




>Aromáticas

virgínia fulber * além mar

Beijando areias,
estrelas,algas
gotas cristalinas
pulando ondas
mergulhando nas fendas
serelepiando entre a folhagem
em aromas jasminares...

Aguçando olhares
deixando rastro entre as pedras
paredes, peles ...

De onde vieram para onde irão meninas?

Seguem despertando e semeando beijos grandes
estalados, molhados, suados...

Femininas, flores aladas !
Das águas nascidas, lambem versos no caminho
e transpiram vaporosos germinares ...

virgínia fulber *além mar 31/12/2006

O olfato e as emoções - Odor e a reprodução Mesmo espécies pouco desenvolvidas, como as mariposas, possuem em suas antenas órgãos perceptores dos aromas, em especial dos feromônios das fêmeas....Pelo odor as flores atraem insetos a fim de possibilitar sua fecundação, bem como percepção similar possuem certos peixes ....

Imagem -Afrodite - Vênus -La Nascita di Venere S. Botiiicelli

Prev: Meus queridos amigos..
Next: devires ..Soprosss
http://vicamf.multiply.com/journal/item/124/124

2 comments:

Eliana f.v. - Li Andorinha - said...

Poetinha Amada...tua poesia desorienta a razão e deixa a alma deslumbrantemente feliz!
A imagem é perfeita para acompanhar tão rica inspiração!
Grata por mais este delicioso momento!

beijinhos canto encanto de passarinho
da li com carinho infinito

Efigênia Coutinho said...

Amiga querida, amanhecer e entrar neste seu santuário poético, ler estes versos de mar, foi o que tem de mais aromático no mundo, pois o salsa aroma do mar, se fez presente ao presente momento dos teus versos beijando areias mágicas, adorei, boa semana, com afeto,Efigênia Coutinho