Friday, February 17, 2012

Navegar ...

Navegar ...

                              virgínia fulber (vicamf)




Sentimento galopa estilizando paisagem
Vento sul reparte e tinge os cabelos de fuligem
Imensurável grandeza, ardor, quase miragem
Rumores dos astros afloram; novelos em vertigem


Tropeços do casco cingem o veio e aragem
Verdades que meus olhos castanhos exigem;
Peixes, algas...mirar nas águas coragem!
Redigem alvas mãos mensagem...

Velas altivas tocam o azul, silenciando folhagem
No rajar das encostas, pássaros em retirada;

Pintura ! Poente refletido em sua plumagem !



Almejamos ninhos, abrigos na enseada

Porém o pensamento não deseja ancoragem

É barco pronto à partida, nau, desejo, onda, vida revirada !


Publicado no Recanto das Letras em 15/02/2009-  Código do texto: T1439925 e na AVBL -
Foto -Virgínia fulber- Sul da Ilha de Flopolis -Matadeiros SC BR ,após Navegar por dias nas águas d´ Oceâno Atlântico rumo ao norte.

6 comments:

silvanio said...

Lindas paisagens contidas em tua poesia e descritas por esse sentimento maior!! aplausos!!

virgínia além mar vicamf said...

Que surpresa receber-te Silvanio querido Sonetista, escritor e pensador que tanto admiro,
grata por leitura sensível e por todo estímulo a tantos anos e co aprendizagem .
abraços tua virgínia fulber vicamf

Anonymous said...

Vica querida,

Maravilhoso poema que nos integra na liberdade

Da natureza nos movimentos que o barco pratica ondulando suas águas.

Fascinante descrição terna e competente da nossa talentosíssima poeta Virginia Além Mar.

Parabéns!

Beijos

Vânia Moreira Diniz

Anonymous said...

Perdi o fôlego!
Que deslumbrante sequencia de versos, pensamento, sentimento.
Navegar assim é quase um privilégio, um sortilégio, uma honra.
Obrigada!
Um abraço cheio de confete e serpentinas...
Rida
Ridamar Batista- Presidente da ALBA- Academia de Letras do Brasil- Anápolis

virgínia além mar vicamf said...

Grata Vânia Moreira Diniz e Ridamar Batista Escritoras Imortais ( ALB) pela consideração
em reportar-se, sensibilidade e solidariedade movem-nos e co movem
e tudo fica mais fácil com Poesia!

adoráveis, abraços desta fãmiga e aprendiz

Eliana f.v. - Li Andorinha - said...

Navegar na intensidade destes teus versos é como um voar rasante pela brisa marítima minha querida Amiga e tão cara poetinha Virgínia!
Adorei reler esse teu soneto Vi, ( como você amo reler)
E novamente com ele ganhei asas...Grata também pela
bela imagem que parece espelho da tua inspiração
Grata sempre Vi

Um delicioso restinho de tarde

beijinhos todos com carinho infinito...da Li

Vou aproveitar para reler teu maravilhoso e-book "Apologias de um Viajante" rsrsr

Grata...muito Grata mesmo Vi!!!!